O Teorema Katherine - John Green

15:18

Fala comigo meus amores! Como vão? (: Tem um tempinho que não posto resenhas aqui (mil desculpas, isso vai mudar, prometo) pois como estou de férias em casa, fico praticamente todo o tempo com a minha sobrinha, o que dificulta a leitura. Mas, vou tentar ler um livro por semana, pra não ficar em falta com o blog (:


O livro da vez é o "O Teorema Katherine" do John Green (vulgo João Verde), que foi publicado pela editora Intrínseca. Possui 302 páginas e uma história muito cativante e imprevisível. Não podia deixar de ler o livro (1) porque depois de A culpa é das estrelas fiquei um tanto quanto apaixonada pela narrativa do Green e (2) porque foi um super presente. >.<


"Quando se trata de garotas (e, no caso de Colin, quase sempre se tratava), todo mundo tem seu tipo. O de Colin Singleton não é físico, mas linguístico: ele gosta de Katherines. E não é Katies, nem Kats, nem Kitties, nem Cathys, nem Rynns, nem Trinas, nem Kays, nem Kates, nem - Deus o livre - Catherines. K-A-T-H-E-R-I-N-E. Já teve dezenove namoradas. Todas chamadas Katherine. E todas elas - cada uma, individualmente falando - terminaram com ele."


Bom, Colin é um garoto prodígio que acabou de sair do ensino médio. É viciado em anagramas - fala diversos idiomas e já leu milhares de livros - e após levar um fora de seu 19º relacionamento (com uma Katherine, claro!) parte numa viagem de carro com seu melhor amigo, Hassan afim de esquecer a Katherine XIX e acabam no Tennessee, onde conhecem Lindsay e sua mãe, o que fez com que a vida deles mudassem.


Colin pegou pra si a missão de desenvolver o Teorema Fundamental da Previsibilidade das Katherines, que através da matemática, poderá prever o desfecho de qualquer relacionamento - inclusive a relação terminante/terminado. Mas, ao mesmo tempo, decidiu que deveria viver o "agora" dessa nova viagem, o que lhe deu oportunidade de fazer novas descobertas e algumas mudanças em sua vida.


O livro contém vários gráficos resultantes das possíveis fórmulas dos teoremas de Colin, mas nada que seja necessário analisar para compreender o enredo. Green mesmo fala que não entende de matemática e que pediu ajuda à um amigo para poder desenvolver as equações/gráficos. Os rodapés vem cheios de informação e tradução - uma vez que Colin usa alguns idiomas, mas o que eu realmente gostei foi da tradução - super bem feita, principalmente quando nos deparamos com os anagramas.

Indico a leitura, gostei muito - e espero que vocês gostem também (: rs! Beijão

Talvez você goste de:

10 comentários

  1. Eu já li, no começo e meio chato mais depois fica muito bom é engraçado rs.

    Menina Flor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei muito... talvez o fato dos gráficos e tudo mais traga essa sensação no começo mesmo!

      Excluir
  2. Minha melhor amiga ganhou este livro então acho que vou emprestar dela. Amei a resenha, estou ansiosa pra começar a leitura ♥
    Beijos!

    falsaamelie.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou da leitura! Leia sim, você provavelmente irá adorar *-*
      beijoo

      Excluir
  3. Oi Lud! Já ouvi falar muito bem desse livro mas realmente não me chamou a atenção, a culpa é das estrelas também não gostei muito, então... O 'vulgo joão verde' foi o melhor hudhufsdhusdf
    Beijos, Bruna S. do Chanel Fake ❤ http://chanelfakeblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São leituras parecidas... talvez o "João Verde" não seja mesmo um autor que você venha a gostar... hahaha
      beijão ♥

      Excluir
  4. Adorei a resenha, preciso desse livro :(
    Queria ler "A culpa é das estrelas" também, acho que é assim né? Já leu?
    Adorei aqui, fui entrando em alguns blogs e achei o seu, haha. Estou seguindo!
    Um beijão, visite meu blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já li e inclusive resenhei aqui no blog, depois dá uma conferidinha (:
      obrigada meu bem, seja bem vinda!
      beijão ♥

      Excluir
  5. Adorei a resenha, mas infelizmente não consegui ler o livro. Acho que de tanto as pessoas falarem bem do John Green, eu criei MUITAS expectativas, que não foram alcançadas nem com A Culpa É das Estrelas, nem com O Teorema Katherine... Ambos foram abandonados ): Mas eu realmente quero dar mais uma chance pra esse autor, quero achar o que tanto falam de bem nele! :)
    Beijinho, Nessa! 411dreams.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Não crie expectativas, crie porcos. Se tudo der errado você tem bacon" haha brincadeirinha, bom eu prefiro não ter uma pré-opinião para que isso não aconteça, mas em "A culpa é das estrelas" o desenrolar da historia me impressionou bastante, uma vez que imaginei um outro final... mas isso varia de leitor, claro!
      Beijão flor!

      Excluir

Blog on Pinterest